Frete Grátis acima de R$ 199*
x

PRECISA DE AJUDA

Atendimento pelo Chat
Compre pelo Whatsapp!
Coleção E-co2 Denim 22-03

A nova coleção E-Co₂ Denim DZARM chega às lojas em março para celebrar o Dia Mundial da Água, uma data criada pela ONU para ampliar os debates sobre a importância da proteção da água do planeta. Essa coleção responde a esse chamado, já que usa menos 96% de água em sua produção, da fabricação do tecido à lavagem. #ForBetter #EcoFashion #Eco2Denim

VER MAIS

Mas e o consumo de água?


Em nosso processo, reutilizamos cada gota, com um reuso de 85% da água e
tratamos 100% dos efluentes.

MENOS 96% ÁGUA

Da fabricação do tecido à lavagem,
uma calça jeans normal pode
consumir até
489 LITROS DE ÁGUA

Com o E-Co₂ Denim, reduzimos esse
número para uma média de
10,6 LITROS POR PEÇA

Coleção E-co2 Denim 22-03

VER MAIS

Materiais Sustentáveis
com algodão nacional reciclado e rastreado
ATÉ MENOS
96%
consumo de água
MENOS
QUÍMICOS
com uso de amaciantes naturais e sem alvejantes = melhoria de 61% na lavagem
Reuso de
água
com 100% dos efluentes tratados
Menos Resíduos
destinação adequada em todas as etapas de produção
100% ENERGIA RENOVÁVEL
nas caldeiras, com uso de biomassa na fabricação do tecido e lavagem

Eco denim

MENOS 34% Co₂

Uma calça jeans comum pode gerar o equivalente a

4,67 kg de Co₂

Com o E-co ₂ Denim acreditamos na sustentabilidade como padrão para introduzir o novo normal, reduzindo esse número a

3,09 KG POR PEÇA

VER MAIS

Veja como seu jeans foi feito:

Conheça cada certificação que acompanha
o seu Denim

O programa Algodão Brasileiro Responsável promove práticas sustentáveis na produção do algodão nacional de que é feita a matéria-prima que trama nosso denim.

O programa Descarte Zero de Produtos Químicos Perigosos propõe o abandono de produtos considerados tóxicos, prejudiciais ao meio ambiente e/ou que representam riscos à saúde do trabalhador.

O sistema de certificação internacional OEKO-TEX Standard 100 garante a não toxicidade de tecidos, tornando-os comprovadamente livres do uso de substâncias nocivas à saúde humana.

O Global Recycled Standard certifica o comprometimento no emprego de materiais reciclados que contribuem para a redução de descartes e estimulam a economia circular na indústria da moda.

A certificação internacional Higg Index mede e quantifica o empenho sustentável e a redução de impactos gerados ao longo do ciclo de vida completo de um produto.

O selo da Associação Brasileira do Varejo Têxtil certifica empresas que integram o programa, que atesta valores éticos entre fornecedores e sub-contratados na cadeia têxtil.

VER MAIS

E-co2 Denim 22-03

E a embalagem?

Queremos que você aproveite seu denim ao máximo, com impacto ambiental mínimo. Por isso, substituímos o plástico que envolvia nossos produtos por embalagens feitas a partir da CANA-DE-AÇÚCAR, resultando em um material de origem vegetal 95% renovável. Desta forma, nossas embalagens se tornam recicláveis. Descartando elas em pontos destinados à reciclagem, você contribui para o reaproveitamento total do material.

Dzarm for Better 22-03

Por quê o E-Co2 Denim foi criado?

Assim como você, somos apaixonados por jeans. Para vestir o material mais democrático da história fashion, no entanto, há processos produtivos que geram impacto ambiental. Quer um exemplo? A indústria da moda global chega a produzir, em um único ano, 2.1 bilhões de toneladas de gases que afetam nas mudanças climáticas e no aquecimento global (fonte: “Fashion on Climate”, 2020, McKinsey & Company). A indústria têxtil brasileira é a 4ª maior produtora de jeans e malhas do mundo, o que faz com que a produção de vestuário represente 10% das emissões mundiais de carbono.

Por aqui, acreditamos que o jeans pode ter diferentes cores, formas e possibilidades, sem deixar de considerar o planeta e todos que o habitam. Foi por isso que criamos o E-Co2 Denim, o jeans perfeito, reimaginado com a menor pegada de carbono da história da Dzarm. Dá só uma olhada nele – Clique aqui para assistir ao vídeo de lançamento.

O que significa o nome E-Co2 Denim?

“Eco” vem de ecoeficiente, atributo dos processos que foram empregados para a criação de nosso novo jeans sustentável. “Co2” é o nome dado ao dióxido de carbono (ou “gás carbônico”), um dos principais gases do efeito estufa emitidos pelo homem, ao lado do metano (CH4). Esses e outros gases atuam obstruindo a dissipação do calor terrestre para o espaço, afetando o aquecimento global.

O que é aquecimento global?

Aquecimento global é o processo de aumento da temperatura média dos oceanos e da atmosfera da Terra causado por massivas emissões de gases que intensificam o efeito estufa.

O aquecimento global influencia na mudança climática. A temperatura média da Terra aumentou 1,5 graus Celsius desde a Revolução Industrial (últimos 300 anos) devido à poluição causada pelo homem, e estima-se que aumente mais 2 ou 3 graus nos próximos 50 anos.

O aquecimento da atmosfera tem levado a uma maior frequência de desastres naturais como furacões, inundações, incêndios florestais, secas, aumento do nível do mar, desaparecimento de ilhas e maior proliferação de pragas e pandemias, por exemplo.

O que é um crédito de carbono?

Um crédito de carbono é a representação de uma tonelada de carbono que deixou de ser emitida para a atmosfera, contribuindo para a diminuição do efeito estufa.

O crédito de carbono é a “moeda” utilizada no mercado de carbono. Nesse mercado, empresas que possuem um nível de emissão muito alto e poucas opções para a redução podem comprar créditos de carbono para compensar suas emissões.

Uma pessoa, empresa, produto ou governo “carbono neutro” compensa através da compra de créditos de carbono a emissão de poluentes (Princípio do Poluidor-Pagador). O produto destas compras vai para projetos ambientais que evitem a emissão de CO2 ou gases de efeito estufa, e que atestem essa atividade na emissão dos créditos.

Como o crédito de carbono protege a Mata Atlântica?

Não é exatamente o “crédito” que protege a floresta. É a floresta em pé que protege o clima da região e interfere no continente inteiro (o regime de chuvas e formação de rios é totalmente influenciado pela floresta em pé).

Para o crédito de carbono existir, é preciso que a floresta esteja de pé. Através da fotossíntese, as plantas absorvem o CO2 do ar e liberam oxigênio (O2). Assim, as florestas são essenciais para equilibrar a concentração de CO2 na atmosfera.

O valor da compra dos créditos de carbono, vai diretamente para projetos que viabilizam a manutenção da floresta e ajudam o desenvolvimento das comunidades ao redor dela.

As empresas que neutralizam emissões de carbono contribuem no combate às mudanças climáticas, auxiliam no reflorestamento de biomas que estão degradados e precisam se regenerar, preservam a biodiversidade e apoiam o desenvolvimento socioeconômico sustentável local.

Além de minimizar a emissão de carbono em todo o processo, como a Dzarm compensa isso?

Nosso E-Co2 Denim foi feito para ser vestido com orgulho: são peças que geram 34% a menos de Co2 do que uma calça jeans normal.
Compensamos em dobro as 7,37 toneladas de Co2 emitidas nesta coleção-cápsula, em parceria com o Instituto Ipê, uma organização da sociedade civil que se dedica à conservação da biodiversidade em bases científicas há mais de 29 anos, tendo como missão desenvolver e disseminar modelos inovadores de conservação da biodiversidade que promovam benefícios socioeconômicos por meio de ciência, educação e negócios sustentáveis.

Qual é a diferença entre uma calça jeans normal e uma calça jeans E-Co2 Denim?

Para nós, para ser realmente “novo”, seu jeans deve ser elaborado a partir de uma perspectiva que considera, em cada uma das etapas, o comprometimento com as mais atuais práticas sustentáveis. E elas são várias. Te damos aqui três exemplos:

. Menos Co₂ eq.: uma calça jeans pode gerar 4,67 kg de Co₂ eq.. O E-Co2 Denim reduz esse número a 3,09 kg de Co₂ eq.

. Menos água: uma calça jeans normal pode consumir até 489 litros de água. O E-Co2 Denim reduz esse número a uma média de 10,6 litros por peça, gerando uma economia de até 96% de água. Em seu processo, há reuso de 85% da água, com 100% dos efluentes tratados.

. Menos energia: somando os processos produtivos de uma peça denim, a criação de uma única calça jeans pode significar o consumo de até 17,98 kWh de energia. O E-Co2 Denim reduz esse número a uma média de 1,83 kWh por item, além de contar com 100% de energia renovável nas caldeiras, com uso de biomassa.

Mas então como é feito o E-Co2 Denim?

O E-Co2 Denim foi repensado desde a matéria-prima à experiência do consumidor para reduzir ao máximo seu impacto ambiental. Logo no início, selecionamos parceiros comprometidos com a melhoria contínua na produção do algodão, cujas ações envolvem preservação da qualidade do solo, da água e do ar, relações justas de trabalho, transparência e rastreabilidade.

Em seguida, os tecidos foram escolhidos priorizando a composição integral ou predominante do algodão e que, além disso, fossem fabricados com tecnologias de expressiva redução do consumo de água, energia e químicos na produção.

Na definição do estilo das peças, prezou-se por lavagens menos agressivas e, ainda assim, com processos monitorados por softwares de última geração, que nos informaram precisamente o impacto ambiental, permitindo a compensação das emissões e a comunicação transparente ao consumidor.

O cuidado também se estendeu aos aviamentos, etiquetas e embalagens. Garantimos que a produção dos acessórios metálicos respeitasse restrições internacionais ao uso de substâncias químicas. Substituímos as etiquetas tradicionais por novas, recicláveis e compostáveis, feitas 100% em algodão. Por fim, introduzimos embalagens provenientes da cana-de-açúcar que, inclusive, contribuíram para a fixação de 53,5 kg de CO2 da atmosfera devido ao cultivo da matéria-prima. (Fonte: Braskem, 2019)

Quer conhecer melhor o processo do E-Co2 Denim? Te convidamos a entrar em nossas fábricas e acompanhar de perto – em vídeo. Clique aqui para assistir.

Como foi possível reduzir o impacto do E-Co2 Denim?

A união de escolhas de parceiros responsáveis, com processos tecnológicos e insumos de baixo impacto ambiental tornou tudo isso possível, sem abrir mão do estilo Dzarm. Vamos aos detalhes?

. Consumo de água 96% menor para a calça jeans E-Co2 Denim, em relação a uma produzida de modo convencional. As ações que mais influenciaram esse surpreendente resultado foram o reaproveitamento máximo da água da lavagem (85%) e a tecnologia de redução do consumo de água na fabricação do tecido.
*Comparação feita para as etapas de fabricação do tecido e lavagem.

. Consumo de energia 90% menos para a calça jeans E-Co2 Denim, em relação a uma produzida de modo convencional. A eficiência energética dos equipamentos permitiram essa elevada economia, gerada desde a fiação, passando pelo corte, até o acabamento da peça na lavanderia. *Comparação feita para as etapas de fabricação do tecido, corte e lavagem.

. Emissão de CO2 34% menor para a calça jeans E-Co2 Denim, em relação a uma produzida de modo convencional. Esse resultado foi fortemente influenciado pelo manejo responsável do algodão e pelas escolhas dos processos de lavagem, dado o elevado impacto ambiental dessas atividades na cadeia do jeans. Considerando não só a substituição de métodos agressivos de lavagem por outros mais econômicos, como também a eficiência energética das máquinas e o reaproveitamento máximo do sistema de reuso de água. *Comparação feita desde a plantação às lojas, incluindo o transporte.

. Uso de produtos químicos até 61% melhor e mais responsável na lavagem das peças E-Co2 Denim, em relação aos padrões convencionais de fabricação de artigos semelhantes. Isso significa que, além de diminuir a quantidade, foram utilizadas substâncias certificadas com baixo índice de toxicidade, contribuindo para a saúde dos trabalhadores e também para a de todos nós e do planeta. *Comparação feita para a etapa de lavagem.

Por onde passa uma peça E-Co2 Denim antes de chegar às lojas?

Acreditamos que juntos, somos melhores. Uma peça E-Co2 Denim é resultado da colaboração entre um time de peso, comprometido em inovar para entregar o que há de mais responsável em algodão, tecido, aviamento, lavagem, etiqueta, embalagem e até informação no mercado brasileiro.

O algodão da sua peça fortaleceu o avanço da rede de produtores comprometidos com o desenvolvimento sustentável. As ações desses parceiros contribuem com a recuperação e preservação da qualidade do solo, água e ar, e também para o predomínio de relações de trabalho justas e maior transparência de informações dentro da cadeia.

As tecnologias aplicadas na fabricação dos tecidos e na lavagem foram essenciais para a redução do consumo de água e de energia, para a baixa emissão de CO2 e para o melhor uso dos produtos químicos no processo de produção das peças E-Co2 Denim.
Além disso, a priorização do algodão como matéria-prima principal da coleção evitou o impacto ambiental da extração e beneficiamento das fibras sintéticas.

Como é feito o algodão das peças E-Co2 Denim?

Em conformidade com as mais restritas normas de produção de algodão, tanto nacionais quanto internacionais, o algodão da sua peça contribui para a preservação da qualidade do solo, da água e do ar, pois conta com técnicas de manutenção da fertilidade do solo, controle preventivo de pragas, controle do uso de defensivos agrícolas, e outros cuidados que resultam em menor consumo de produtos químicos e benefícios indispensáveis para a terra. Logo, a produção é diferente do algodão orgânico. O algodão desta coleção não é “orgânico”. É rastreado. Ao fazer parte dessa cadeia de produção comprometida com o manejo sustentável, também pratica uso otimizado de água na plantação, atua em terras em conformidade com a legislação e garante relações justas de trabalho, rastreabilidade e transparência em todos os pontos da cadeia.

Por que é importante optar por produtos com atributos sustentáveis?

Sabemos que os recursos do planeta são finitos e a maneira como nos relacionamos com a moda precisa ser revista – tanto no desenvolvimento de produtos, quanto na forma de consumo. É preciso considerar a natureza em tudo que fazemos, já que o homem é parte integrante do meio e não um ser superior à parte.
Incluir a equação ambiental (sistemas menos impactantes) e social (colaboração com o desenvolvimento econômico da sociedade de forma horizontal) nos formatos de produção e comercialização se torna uma ação necessária e urgente para garantir a estabilidade do mundo.

Por quê a transparência é a peça-chave na busca por um consumo mais consciente e como ir na contramão do greenwashing?

Oferecer transparência significa valorizar a informação, fortalecendo o poder ativo das decisões tomadas com consciência.
Motivados a fazer moda transparente, desenvolvemos e entregamos as informações pautadas em dados claros, referenciados e baseados em estudos recentes. Para cada número, há uma observação esclarecendo a quais etapas o impacto pode ser atribuído.

Além da coleção E-Co2 Denim, a Cia. Hering também está neutralizando as emissões de sua operação, nos escopos 1, 2 e 3, que correspondem a todas as operações da empresa, geração de energia elétrica, e operações de fornecedores no que tange a transporte das peças e transporte dos colaboradores. Para a compensação, a Dzarm fez uma profunda análise das melhores soluções e escolheu como seu parceiro o Instituto Ipê, que desenvolve modelos inovadores de conservação da biodiversidade para trazer benefícios socioeconômicos através da ciência, educação e negócios sustentáveis.

Como parte da Cia. Hering, disponibilizamos on-line um relatório anual que explora os avanços e reforça o compromisso crescente de toda a empresa com um futuro mais sustentável para a moda. Clique aqui para conhecer o Relatório Anual de Sustentabilidade 2020 da Cia. Hering.